Topics quentes fechar

Após vitória do Palmeiras, Abel revela o que lhe deixou 'maluco' e 'doente' durante jogo: 'Eu não entendi, pedi até para me explicar'

Treinador português concedeu coletiva após o triunfo por 2 a 0 sobre o Red Bull Bragantino, neste sábado (14)
19:38 BT
  • ESPN.com.br

Treinador do Palmeiras concedeu coletiva após o triunfo por 2 a 0 sobre o Red Bull Bragantino, neste sábado (14)

Após a vitória por 2 a 0 sobre o Red Bull Bragantino, neste sábado (14), pelo Campeonato Brasileiro, o técnico do Palmeiras, Abel Ferreira, revelou que ficou "maluco" e "doente" com os 7 minutos de acréscimo dados pelo árbitro Flávio Rodrigues de Souza no 2º tempo do duelo.

Segundo o português, o adversário não fez qualquer coisa para gastar tempo durante a partida, tornando os 7 de acréscimo completamente desproporcionais.

Além de todo o conteúdo ESPN, com o Combo+ você tem acesso ao melhor do entretenimento de Star+ e às franquias mais amadas de Disney+. Assine já.

O comandante ainda lembrou o duelo contra o Fluminense, no último final de semana, no qual a equipe carioca teria feito, na sua visão, diversas artimanhas de "cera", ao mesmo tempo que a arbitragem deu só 5 de acréscimo na etapa complementar.

"Já disse várias vezes que gosto muito dessa equipe (Bragantino). Eles vem dividir o jogo, vem para jogar. Mas fiquei maluco com os 7 minutos de acréscimo. Fiquei doente", disparou Abel.

"Como é que contra essa equipe que veio aqui disputar o jogo, jogar o jogo, eles dão 7 minutos, e contra o Fluminense, que veio aqui se mandar no chão para fazer 'cera', deram o que deram? Eu fiquei maluco", reclamou.

"Se tiver que dar 7 minutos por causa das substituições, então que façam isso sempre. Eu não entendi os 7 minutos. Não entendi. Fui até perguntar: 'Conseguem me explicar por que um time que veio aqui jogar para ganhar, que não veio aqui jogar para não perder, vocês dão 7, e contra o Fluminense vocês dão 5?'. Fiquei maluco", seguiu.

"E me falam: 'Ah, mas você não quer jogar?'. Eu quero. Mas se hoje deram 7, no jogo contra o Fluminense tinham que ter dado 14", complementou.

Na visão de Abel, o Palmeiras foi justo vencedor neste sábado.

"De resto, parabéns ao Bragantino. Tem excelentes jogadores, um ótimo treinador. É uma equipe que joga sem muita pressão do resultado, é mais para vender e formar jogadores, mas gosto de jogar contra esse tipo de equipe", explicou.

Lives, conteúdos originais e o melhor da programação da ESPN! Inscreva-se no nosso canal do YouTube, ative as notificações e não perca nenhum vídeo!

"Acho que fomos justos vencedores. Nosso 2º gol tinha que ter saído mais cedo. O Palmeiras é como um martelo. Dá tudo até o fim. Foram dois (gols hoje), mas poderia ter sido mais. Foram detalhes que faltaram para não fazer mais. Na verdade, fizemos três gols (dois foram anulados). Na minha opinião, foi uma boa partida nossa", encerrou.

Com o triunfo deste sábado, o Verdão subiu no momento para a 5ª colocação do Campeonato Brasileiro, com 9 pontos.

O time paulista volta a campo nesta quarta-feira (18), às 19h (de Brasília), contra o Emelec, pela Conmebol Libertadores, com transmissão pela ESPN no Star+.

Shotes semelhantes