Topics quentes fechar

Corinthians vence Bragantino e se mantém vivo por vaga nas semifinais do Paulista Feminino

Pela penúltima rodada da primeira fase do Paulista Feminino, o Corinthians encarou o Red Bull Bragantino, fora de seus domínios, e voltou para casa com um satisfatório placar de 1 a 0.

O Corinthians superou um grande desafio na tarde deste sábado. Pela penúltima rodada da primeira fase do Paulista Feminino, a equipe alvinegra encarou o Red Bull Bragantino, fora de seus domínios, e voltou para casa com um satisfatório placar de 1 a 0. O gol foi marcado por Vic Albuquerque.

O bom resultado dá ao Timão um fôlego ainda maior na competição e leva a decisão da classificação para a última rodada. Para garantir vaga nas semifinais, será necessário torcer por tropeços das equipes que estão à sua frente e garantir um triunfo contra a equipe do Taubaté, atual nona colocada.

Anota aí - A partida será já na próxima quarta-feira, às 19h, na Fazendinha, com mando do Corinthians, que conta com um retrospecto positivo dentro de casa. Até aqui, sob domínio próprio, as alvinegras possuem três vitórias e duas derrotas, acumulando, assim, um aproveitamento de 60%.

Escalação

O Corinthians contou com o retorno de 100% das atletas que serviram à Seleção Brasileira nos amistosos contra o Canadá e foi a campo com um time mais completo em relação ao clássico frente ao Santos. Mas, mesmo assim, teve os desfalques de

Dessa forma, precisando da vitória para seguir vivo na competição, o técnico Arthur Elias foi a campo com aquilo que entende de melhor. O time titular foi composto com Lelê; Diany, Andressa, Yasmim e Diany; Tamires, Luana, Vic Albuquerque e Jaqueline; Adriana, Millene e Jheniffer.

No banco de reservas, a equipe corinthiana ainda teve outras 12 jogadoras à disposição. Foram elas: Paty, Kati, Tarciane, Giovanna Campiolo, Juliete, Grazi, Lia Salazar, Gabi Portilho, Mariza, Paulinha, Gabi Morais e Érika.

Escalação Corinthians

Meu Timão

O Bragantino, por sua vez, foi a campo com a seguinte escalação: Karol Alves; Ingryd, Taba, Flávia e Lay; Mylena, Lelê e Raquel; Rhay Coutinho, Luana e Ariel.

O jogo Primeiro tempo

Sob chuva, o Corinthians, com o seu segundo uniforme, fez um primeiro tempo abaixo daquilo que costuma apresentar dentro das quatro linhas. O time comandado por Arthur Elias teve pouca intensidade e não conseguiu trabalhar as jogadas no meio de campo, impossibilitando, assim, chances perigosas.

Novamente com uma linha de três defensoras, o Corinthians começou a partida com muita dificuldade na saída de bola. Logo no primeiro lance, a equipe alvinegra se enroscou ao tentar sair jogando e entregou um ataque promissor para o Bragantino, que não teve felicidade na conclusão da jogada.

Depois de dez minutos de um jogo estudado e sem muitas tentativas, o time da casa, enfim, chegou com perigo e protagonizou a primeira chance clara de gol no confronto. Na ocasião, a defensora Flávia foi encaminhada para cobrar uma falta e mandou forte finalização às mãos da goleira Lelê.

Após perder a zagueira Ingryd por uma lesão, o Bragantino voltou a incomodar à área de defesa do Corinthians. Aos 18, Rhay Coutinho saiu em velocidade pela direita, viu Luana posicionada dentro da área e fez o passe com precisão. A atacante, porém, não calibrou o pé e mandou a bola para as arquibancadas.

Em um jogo protagonizado por alta quantidade de faltas, o Bragantino teve nova chance de bola parada na marca dos 22 minutos iniciais. Flávia novamente foi a responsável pela cobrança, mas desta vez exagerou na força e mandou a bola por cima do gol de Lelê.

A primeira chegada com perigo pelo lado do Corinthians veio a acontecer já na segunda metade da primeira etapa. Aos 26, Jaqueline partiu no meio de duas defensoras e encontrou Adriana, que rolou para Jheniffer dentro da área. A camisa 9 tentou encontrar o gol, mas foi bloqueada por Rhay Coutinho.

Dominando as principais ações do confronto, o time de Bragança Paulista voltou a chegar com agressividade aos 38 minutos. O lance foi iniciado por Raquel, que ajeitou para Mylena já dentro da área. A camisa 13, porém, se enroscou com a bola e mandou uma forte bomba por cima do gol.

Segundo tempo

Com três substituições encaminhadas por Arthur Elias no intervalo, o Corinthians voltou à partida com “fome” de vitória e chegou ao gol em jogada construída por Diany, Millene e Vic Albuquerque. O confronto, depois, foi de pressão e domínio total do time do Parque São Jorge.

Logo aos quatro minutos, o Corinthians ficou muito perto de abrir o placar no Nabi Abi Chedid. Na ocasião, Tamires cabeceou para dentro da área, encontrando, assim, Vic Albuquerque na cara do gol. A camisa 17 tentou completar, mas foi interceptada por boa defesa da goleira Karol Alves.

Aos 14, o Bragantino ganhou nova oportunidade em cobrança de falta próxima à área do Timão. No lado esquerdo do campo, Raquel tentou encontrar diretamente as redes do gol alvinegro, mas a goleira Lelê levou a melhor ao aparecer bem posicionada, encaixando a bola em suas mãos.

O gol que deu a vitória ao Corinthians aconteceu já nos 17 minutos da etapa complementar. Em jogada aberta pelo lado direito, Diany pegou sobra na entrada da área, abriu na Millene, que encaminhou belo passe para Vic Albuquerque emendar finalização precisa para o fundo do gol.

Embalado com o gol, o Corinthians cresceu na partida e impossibilitou a reação do Bragantino. Aos 29, a equipe alvinegra chegou novamente com perigo, em jogada construída por Vic Albuquerque. Ela acionou Tamires em velocidade, que acabou perdendo dividida para a goleira Karol Alves.

Sem mais nenhuma chance clara de gol, substituições, faltas e trocas de passes marcaram a reta final do confronto no estádio localizado em Bragança Paulista. O último lance ainda foi definido pela expulsão da capitã do Bragantino, Taba, que chegou atrasada em Gabi Portilho.

Ficha técnica de Corinthians 1 x 0 Red Bull Bragantino

Competição: Campeonato Paulista FemininoLocal: Nabi Abi Chedid, Bragança Paulista, SPData: 19 de novembro de 2022 (sábado)Hor&aacuterio: 16h30 (de Brasília)Árbitro: Flávio Roberto Mineiro RibeiroAssistentes: Marcela de Almeida Silva e Rodrigo Meirelles BernardoGol: Victória Albuquerque (Corinthians)

CORINTHIANS: Lelê; Diany, Andressa, Yasmim, Tamires, Luana, Jaqueline, Victória Albuquerque, Jheniffer, Adriana e Millene.Técnico: Arthur Elias

RED BULL BRAGANTINO: Karol Alves; Ingryd, Taba, Flávia e Lay; Mylena, Lelê e Raquel; Rhay Coutinho, Luana e Ariel.Técnico: Rosana Augusta

Veja mais em: Corinthians Feminino, Corinthians x Red Bull Bragantino, Campeonato Paulista e Victória Albuquerque.

Shotes semelhantes
Arquivo de Notícias
  • Santo André x Palmeiras
    Santo André x Palmeiras
    Defensa y Justicia x Palmeiras: veja onde assistir à partida da Copa Libertadores da América
    3 Maio 2021
    2
  • Bauru
    Bauru
    Quadrilha usa drone em ataque a agências bancárias de Bauru
    5 Set 2018
    2
  • Argentina e Bolívia
    Argentina e Bolívia
    Argentina derrota Bolívia, e Messi supera Pelé se tornando o maior artilheiro de seleções sul-americanas
    10 Set 2021
    1
  • Cartola
    Cartola
    Cartola FC 2021: Benítez e Ferreira desfalcam a rodada #1; veja prováveis, suspensos e lesionados
    29 Maio 2021
    1
  • Dia do Beijo
    Dia do Beijo
    Dia do Beijo: os beijos mais marcantes do cinema
    13 Abril 2020
    2
  • Galaxy S20
    Galaxy S20
    Galaxy S20 Plus aparece em Geekbench já com Android 11
    5 Agosto 2020
    10