Topics quentes fechar

Veja o que é #FATO ou #FAKE nas declarações dos candidatos ao governo de SP na 6ª semana de campanha

Frases foram ditas em entrevistas, debates e sabatinas na penúltima semana de campanha no 1º turno.
Candidatos ao Governo de São Paulo nas eleições de 2022 – Fernando Haddad (PT), Tarcísio de Freitas (Republicanos), Rodrigo Garcia (PSDB), Altino Júnior (PSTU), Carol Vigliar (UP), Elvis Cezar (PDT), Gabriel Colombo (PCB), Vinicius Poit (Novo), Edson Dorta (PCO) e Antonio Jorge (DC) — Foto: Celso Tavares/g1
1 de 17 Candidatos ao Governo de São Paulo nas eleições de 2022 – Fernando Haddad (PT), Tarcísio de Freitas (Republicanos), Rodrigo Garcia (PSDB), Altino Júnior (PSTU), Carol Vigliar (UP), Elvis Cezar (PDT), Gabriel Colombo (PCB), Vinicius Poit (Novo), Edson Dorta (PCO) e Antonio Jorge (DC) — Foto: Celso Tavares/g1

Candidatos ao Governo de São Paulo nas eleições de 2022 – Fernando Haddad (PT), Tarcísio de Freitas (Republicanos), Rodrigo Garcia (PSDB), Altino Júnior (PSTU), Carol Vigliar (UP), Elvis Cezar (PDT), Gabriel Colombo (PCB), Vinicius Poit (Novo), Edson Dorta (PCO) e Antonio Jorge (DC) — Foto: Celso Tavares/g1

Os candidatos ao governo de São Paulo deram continuidade à campanha eleitoral no estado nesta sexta semana, reta final da campanha eleitoral para o primeiro turno, que acontece no próximo domingo (2).

Eles postaram em redes sociais, falaram no horário eleitoral na TV e no rádio e participaram de entrevistas nessa penúltima semana de campanha antes do primeiro turno.

A equipe do Fato ou Fake checou as principais declarações dadas durante a semana pelos três candidatos que pontuaram 6% ou mais na pesquisa Ipec. A ordem dos candidatos segue a da pesquisa.

Além disso, a cada semana, é checada também a fala de pelo menos um dos candidatos que aparecem com menos de 6% na pesquisa.

Leia as checagens da segunda semana:

Fernando Haddad (PT) é entrevistado no Link Vanguarda — Foto: TV Vanguarda/Reprodução
2 de 17 Fernando Haddad (PT) é entrevistado no Link Vanguarda — Foto: TV Vanguarda/Reprodução

Fernando Haddad (PT) é entrevistado no Link Vanguarda — Foto: TV Vanguarda/Reprodução

“Nós [governos do PT] já fizemos isso. Reduzimos em 85% o desmatamento da Amazônia.” (Em entrevista à TV Vanguarda em 23/9)
 — Foto: g1
3 de 17 — Foto: g1

— Foto: g1

A declaração é #FATO. Veja por quê: Dados do sistema Prodes-Amazônia, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), mostram que, em 2004, segundo ano do governo Lula (PT), o desmatamento atingiu o pico de 27.772 km² na chamada Amazônia Legal. Em 2014, na gestão Dilma Rousseff, o total da área desmatada foi reduzido para 5.012 km, registrando queda de 82%.

“Nós estamos há anos sem concurso público. O que está acontecendo hoje é que, por falta de concurso do policial militar e policial civil, os prefeitos estão se vendo obrigados a contratar guarda civil pra fazer policiamento de Polícia Militar.” (Em entrevista à TV TEM em 22/9).
 — Foto: G1
4 de 17 — Foto: G1

— Foto: G1

A declaração é #FAKE. Veja por quê: segundo o governo do estado, em 9 de agosto foi publicada no Diário Oficial a autorização para a contratação de 3,5 mil policiais civis e técnico-científicos, sendo 1.333 escrivães, 1.250 investigadores, 552 delegados, 249 peritos criminais e 116 médicos-legistas.

Ainda segundo o governo, desde o início da atual gestão, 14,4 mil policiais foram contratados, sendo 2.574 policiais civis, e estão atuando em todo o estado. Outros 1,3 mil estão nas academias das polícias, passando por curso de formação. Além disso, estão em andamento concursos para a contratação de 2.750 novos policiais civis, entre delegados, investigadores e escrivães.

Em agosto, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu que as Guardas Civis Municipais (GCM) não podem exercer atribuições que são exclusivas das polícias Civil e Militar. O entendimento do STJ reforçou o que estabelece a Constituição de 1988, que afirma que as GCMs devem se limitar à proteção de bens, serviços e prédios públicos. A decisão pode influenciar julgamentos que envolvam as GCMs em todo o país.

“Aqui mesmo, na região de Sorocaba, há uma ameaça de a Toyota deixar o estado de São Paulo.” (Em entrevista à TV TEM em 22/9).
selo não é bem assim — Foto: arte
5 de 17 selo não é bem assim — Foto: arte

selo não é bem assim — Foto: arte

#NÃOÉBEMASSIM. Veja o porquê: Em abril deste ano, funcionários da fábrica da Toyota protestaram em São Bernardo do Campo, no ABC paulista, contra o fechamento da montadora. A empresa anunciou que vai fechar a fábrica em São Bernardo do Campo e transferir a produção para as instalações de Sorocaba, Indaiatuba e Porto Feliz, no interior do estado.

Em nota, a Toyota afirmou que “não tem nenhuma intenção de sair do Estado de São Paulo”. “Seguimos operando com nossas quatro fábricas no estado – Sorocaba, Indaiatuba, Porto Feliz e São Bernardo do Campo (que só será encerrada, conforme informado na ocasião, em novembro de 2023). Seguimos operando normalmente e acreditando no mercado brasileiro e da região da América Latina. Inclusive, em nossa fábrica de Sorocaba, operamos em três turnos (24h/dia) desde o fim de novembro do ano passado”, informou ao g1.

“Meu avô nadava no rio Tietê há cem anos. Hoje você não vê nenhum peixe no Tietê nem no Pinheiros.” (Em entrevista à TV TEM em 22/9).

#NÃOÉBEMASSIM. Veja o porquê: Em 2021, viralizaram imagens de um cardume em pleno Rio Pinheiros, na Zona Oeste da cidade de São Paulo, mas a presença dos animais ali não é tão recente. "O futuro desses peixes que chegam até esse ponto, na foz do Córrego do Sapateiro, infelizmente, será breve. Eles não vão sobreviver muito tempo. O que acontece: enquanto eles conseguem ficar aqui, na mancha de água clara e limpa, eles ainda sobrevivem, mas o alimento vai escasseando, e se eles saem dessa mancha, a água é poluída", explicou Luiz de Campos, geógrafo, pesquisador e cofundador da ONG Rios e Ruas, na época.

Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, as imagens dos peixes no Rio Pinheiros foram postadas em redes sociais pelos próprios frequentadores do novo Parque Bruno Covas, da ciclovia e por trabalhadores das obras que ocorrem no local. Dos 13 pontos monitorados no Pinheiros, 11 então com a Demanda Bioquímica de Oxigênio abaixo de 30mg/l, o que permite algumas espécies.

Tarcísio de Freitas, do Republicanos — Foto: Reprodução/EPTV
6 de 17 Tarcísio de Freitas, do Republicanos — Foto: Reprodução/EPTV

Tarcísio de Freitas, do Republicanos — Foto: Reprodução/EPTV

"Agora, com a redução do ICMS para combustível, em valores nominais a arrecadação está crescendo." (Em entrevista à CNN Brasil em 19/9)
 — Foto: G1
7 de 17 — Foto: G1

— Foto: G1

A declaração é #FAKE. Veja por quê: A variação na arrecadação do ICMS sofre efeitos de uma série de fatores, como a época do ano e a movimentação da economia, e não pode ser atribuída apenas a um único fator. Além disso, dados do Sistema de Informações Gerenciais da Execução Orçamentária (Sigeo), do Ministério da Economia, indicam que o crescimento em 2022 não está diretamente ligado à mudança da lei. Neste ano, o mês com maior aumento da arrecadação do ICMS principal em 2022 foi março, mas a lei que mudou o cálculo da alíquota do imposto para combustíveis só foi sancionada no dia 14 daquele mês.

Além disso, em abril, mês imediatamente posterior à sanção, a arrecadação caiu. A partir de maio, a arrecadação tem aumentado mês a mês até agosto. Mas esse comportamento segue um padrão de sazonalidade parecido com o de 2021, quando não houve alteração das regras do ICMS para combustíveis. Em ambos os anos, houve quedas em fevereiro e abril e altas em março e de maio a agosto. Padrão semelhante se repete considerando apenas a arrecadação da parte dos estados do ICMS.

"Só em São Paulo, nós temos 2,4 milhões de famílias beneficiárias do Auxílio Brasil." (Em entrevista à CNN Brasil em 19/9)
 — Foto: g1
8 de 17 — Foto: g1

— Foto: g1

A declaração é #FATO. Veja por quê: De acordo com o painel de monitoramento da Secretaria de Avaliação e Gestão da Informação do Ministério da Cidadania, em setembro de 2022 o Programa Auxílio Brasil contemplou 2.483.656 famílias.

“O governo federal disponibilizou quase 600 milhões de doses de vacinas [contra a Covid-19] de quatro fabricantes diferentes, com duas tecnologias diferentes: vírus inativado e as vacinas de RNA mensageiro.” (Em entrevista à TV Vanguarda em 22/9)
 — Foto: arte
9 de 17 — Foto: arte

— Foto: arte

#NÃOÉBEMASSIM. Veja o porquê: Segundo a atualização mais recente da página do Ministério da Saúde que lista os informes técnicos de distribuição das doses das vacinas contra a Covid-19 de todos os fabricantes, inclusive as doses pediátricas, o governo federal havia distribuído aos estados e municípios 540 milhões de doses até 16 de agosto, cerca de 20 milhões de doses a mais do que no informe divulgado em 5 de julho.

Rodrigo Garcia participa de entrevista no TEM Notícias em Sorocaba — Foto: Daniela Martins/g1
10 de 17 Rodrigo Garcia participa de entrevista no TEM Notícias em Sorocaba — Foto: Daniela Martins/g1

Rodrigo Garcia participa de entrevista no TEM Notícias em Sorocaba — Foto: Daniela Martins/g1

“Nós conseguimos aumentar de 100 mil para 1 milhão o número de alunos em ensino integral no estado de São Paulo.” (Em entrevista à TV Diário em 21/9).
 — Foto: g1
11 de 17 — Foto: g1

— Foto: g1

A declaração é #FATO. Veja por quê: O estado tem atualmente 1,1 milhão de estudantes em escolas de tempo integral, segundo a Secretaria Estadual da Educação de São Paulo. Em 2019, primeiro ano da gestão João Doria e Rodrigo Garcia, o estado registrava apenas 135 mil nessa modalidade de ensino.

“Enquanto no Brasil inteiro o feminicídio cresceu, aqui em São Paulo, caiu nesses últimos três anos.” (Em entrevista à TV Vanguarda em 21/9).
 — Foto: arte
12 de 17 — Foto: arte

— Foto: arte

#NÃOÉBEMASSIM. Veja o porquê: Embora os feminicídios de fato estejam caindo no estado de São Paulo nos últimos três anos, passando de 184 crimes para 136 em 2021, segundo a última edição do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, a taxa também recuou no Brasil no ano passado em números absolutos. De acordo com o anuário, em 2019, o país registrou 1.330 feminicídios, passando para 1.354 crimes em 2020 e 1.341 em 2021. Entre 2020 e 2021, o total de crimes teve uma leve queda de 1,7%.

“Nós já somos o primeiro [no Ideb] do nível fundamental II, o primeiro estado do Brasil, e seremos o primeiro no nível médio. Nós saímos de quinto colocado para terceiro no nível médio” (Em entrevista à TV Vanguarda em 21/9).
 — Foto: arte
13 de 17 — Foto: arte

— Foto: arte

#NÃOÉBEMASSIM. Veja o porquê: No Ideb 2021, divulgado em 16 de setembro pelo governo federal, a rede estadual de São Paulo registrou indicador de 5,3 nos anos finais do fundamental (ou fundamental II). Mas outros dois estados (Ceará e Goiás) também registraram o mesmo patamar, e estariam tecnicamente empatados. Por causa da pandemia, que obrigou cada estado brasileiro a tomar medidas distintas de aumento da aprovação dos alunos para reduzir o risco de evasão escolar, e também devido à possível queda na taxa de participação dos alunos na prova do Saeb, excluindo justamente os estudantes mais vulneráveis, os dois componentes do cálculo do Ideb (a proporção de estudantes aprovados e a nota média do Saeb) podem estar artificialmente inflados.

Por isso, os especialistas não recomendam a comparação entre as redes de diferentes estados na edição de 2021. Além disso, no caso de São Paulo, o Ideb do fundamental II avançou de 5,2 para 5,3 de 2019 para 2021 não por causa do aumento da nota média, que se manteve estagnada, mas por causa do aumento da aprovação dos estudantes. O mesmo ocorreu com o Ideb do ensino médio, que subiu de 4,3 para 4,4. Com esse valor, a rede de escolas estaduais paulistas se situa no mesmo patamar de outras três redes (Ceará, Espírito Santo e Pernambuco). A rede estadual do Paraná teve Ideb de 4,6 e a de Goiás registrou indicador de 4,5.

“Nós diminuímos a poluição do Tietê nesses três anos e meio. Conseguimos reduzir em mais da metade a mancha de poluição do Rio Tietê, até pelo tratamento de esgoto lá em Guarulhos.” (Em entrevista à TV Diário em 21/9)
 — Foto: arte
14 de 17 — Foto: arte

— Foto: arte

#NÃOÉBEMASSIM. Veja o porquê: Segundo medição da Fundação SOS Mata Atlântica, a mancha de poluição no Rio Tietê cresceu 40% entre 2021 e 2022, passando de 85 km para 122 km. O estudo aponta que os níveis de poluição de fato vinham caindo desde 2019, quando a gestão João Doria-Rodrigo Garcia assumiu. Na ocasião, a mancha era de 163 km e passou para 85 km em 2021, queda de quase 50%, de acordo com a própria medição da fundação. Mas com a alta de 40% em 2022, a comparação desde o início da gestão apresenta redução da mancha de poluição de apenas 25%.

Altino Júnior, candidato do PSTU ao governo de SP, posa para foto antes de conceder entrevista ao g1 — Foto: Celso Tavares/g1
15 de 17 Altino Júnior, candidato do PSTU ao governo de SP, posa para foto antes de conceder entrevista ao g1 — Foto: Celso Tavares/g1

Altino Júnior, candidato do PSTU ao governo de SP, posa para foto antes de conceder entrevista ao g1 — Foto: Celso Tavares/g1

“No segundo trimestre deste ano, os quatro maiores bancos [do Brasil] tiveram um lucro de 20,5%, justamente porque aumentaram os juros do crédito para pequenos comerciantes, pequenos produtores e trabalhadores em geral” (Em entrevista à TV Fronteira em 22/9).
 — Foto: g1
16 de 17 — Foto: g1

— Foto: g1

A declaração é #FATO. Veja por quê: Os quatro maiores bancos brasileiros — o Itaú Unibanco, Bradesco, Santander e Banco do Brasil— registram juntos o lucro líquido de R$ 26,6 bilhões no 2º trimestre de 2022. O valor significa crescimento de 20,5% na comparação com o mesmo período do ano passado. O movimento foi sustentado principalmente pelo avanço das carteiras de crédito, como cartão de crédito, empréstimo pessoal e crédito consignado.

 — Foto: g1
17 de 17 — Foto: g1

— Foto: g1

Arquivo de Notícias
  • West Ham x Chelsea
    West Ham x Chelsea
    West Ham x Chelsea: veja as escalações e onde assistir ao vivo jogo pela Premier League
    4 Dez 2021
    8
  • vestido
    vestido
    Estilista faz vestido em 24 horas para casamento de Denise ...
    9 Set 2018
    1
  • Fase emergencial SP
    Fase emergencial SP
    Fase emergencial em SP e outros assuntos que podem impactar a Bolsa hoje
    8 Abril 2021
    5
  • Mumuzinho
    Mumuzinho
    'The Voice Kids': Kauê Penna é vencedor na final da 5ª temporada
    11 Out 2020
    6
Shotes mais populares dessa semana