Topics quentes fechar

Saiba quais as empresas campeãs de reclamações na Black Friday

Consumidores já enfrentam dificuldades com alguns estabelecimentos na Black Friday. Entre os problemas estão a propaganda enganosa. Leia em OTempo
Balanço é do site Reclame Aqui, que monitora a movimentação de compra e recebe queixas dos consumidores
Siga O TEMPO no Google News

Consumidores que desejam realizar compras na Black Friday já enfrentam dificuldades com alguns estabelecimentos. Os problemas vão desde propaganda enganosa e atraso na entrega até cobrança indevida, segundo o site Reclame Aqui, que monitora, desde a última quarta-feira (24), a movimentação de gastos da população com as ofertas. 

Segundo a plataforma, as empresas que mais receberam reclamações no período entre 12h de quarta-feira e 11h desta sexta-feira foram: Americanas Marketplace, Amazon, Americanas (loja online), Magazine Luiza (loja online), Carrefour (loja online), Etna Home Store, Mercado Livre, Casas Bahia, KaBuM e Ifood. 

Os departamentos de consumo que figuram entre as principais queixas são: celulares e smartphones, eletrodomésticos, eletroeletrônicos e logística e entrega rápida. 

Registros 

Até as 6h desta sexta-feira (26), 5.678 reclamações sobre compras realizadas na Black Friday foram registradas no Reclame Aqui, entre as 12h de quarta (24) e as 6h desta sexta. O site tem registrado uma média de cerca 138 reclamações por hora apenas sobre a data de promoções neste ano, alta de 17% em relação à Black Friday de 2020.

Grandes redes de e-commerce, como Americanas e Magazine Luiza, que recebem maior volume de pedidos, seguem como as campeãs de reclamação, como já é comum na data. A loja de artigos para casa Etna e a loja virtual Amazon estrearam no ranking das mais citadas, segundo o Reclame Aqui.

Shotes semelhantes
Shotes mais populares dessa semana